Visita a Vinícola Norton em Mendoza

Quando decidimos incluir Mendoza no nosso roteiro de férias, sabíamos que não ia rolar de visitar muuuitas vinícolas porque estávamos com a Muçarelinha e como estou amamentando, não seria bom abusar né? Seguindo essa linha de raciocínio, optamos por visitar a tradicional Vinícola Norton, que fica em Luján de Cuyo (22km de Mendoza) e oferece uma visita bem completa através da Experiência Alta Gama. Essa experiência faz uma ótima harmonização entre seus vinhos com a gastronomia. E o bacana é que os vinhos sempre vem com outro para a gente comparar, aí até os menos entendidos, como euzinha aqui, consegue notar as diferenças entre eles.

Começamos com dois espumantes no wine bar, que tem uma vista linda para a Cordilheira dos Andes, acompanhados por tapas e um ceviche delicioso, a Maria Belén, nossa guia, explicou detalhes, características e semelhanças de cada um.

Vinícola Norton

Degustação de Espumantes no Wine Bar

Saindo dessa primeira etapa, foi o momento de visitar a bodega e saber alguns detalhes sobre a produção e diferentes formas de armazenamento do vinho, como os tanques, barris de carvalho, etc.

De lá, nós seguimos, para a parte mais charmosa do tour, que fica na tradicional Casa Norton, fundada, em 1900, pelo próprio Norton que foi quem também criou a vinícola. Embora a casa tenha sido criada para que a família do Norton morasse, hoje o espaço é dedicado a eventos especiais e também é possível fazer piqueniques (previamente agendados) nos jardins da casa.

Vinícola Norton

Entrada da Casa Norton

Aliás, uma curiosidade interessante é que em 1989 a vinícola foi comprada pelo austríaco Gernot Langes-Swarovski, o mesmo dos cristais. E hoje, apesar de manter o mesmo nome, não tem mais a administração familiar que possuía antes e a gente ainda vê a bandeira da Áustria hasteada na frente da vinícola.

Mas voltando a experiência Alta Gama, ao chegar na Casa Norton, fizemos a degustação de três single vineyards (vinhos de um lote só) Malbec, só que colhidos em lugares diferentes, em Lunlunta, Finca la Colonia e Agrelo. É muito interessante comparar os sabores de vinhos que, teoricamente, são os mesmos, mas no paladar possuem uma diferença sutil. A degustação vira quase uma brincadeira e deve ser bem divertido fazer entre amigos, como a própria Belén sugeriu.  No final, preferi o Malbec de Lunlunta! 😉 Nesse momento, a harmonização foi feita com uma tábua de queijos. E nós demoramos um tempinho por lá!

Vinícola Norton

Os três Single Vineyards Malbec

Vinícola Norton

Mesa de harmonização com a tábua de queijos selecionados

Saímos de lá e passamos pela cave da vinícola, onde provaríamos um dos vinhos ícones da Norton: Gernot Langes, mas acabamos levando-o até o sofisticado Restaurante La Vid, da própria vinícola, onde o degustamos junto com o nosso almoço. Aliás, o almoço faz parte da Experiência Alta Gama e o visitante pode escolher entre o menu degustação em 6 passos ou o menu à la carte, nós escolhemos a segunda opção por motivos de: estávamos bem satisfeitos com o que comemos antes e os tais 6 passos poderiam ser demais para a gente! 😉

Vinícola Norton

Cave

O almoço, feito pela chef Patricia Suarez Roggerone, foi um capítulo a parte, pois a gastronomia ~que provamos, claro~ da Norton é sensacional! Fiquei com um prato de truta e o Zuco com uma carne, comemos deliciosas empanadas de entrada e de sobremesa escolhi uma degustação de doces argentinos.

Vinícola Norton

Almoço do Zuco

Vinícola Norton

Degustação de doces argentinos.

Com certeza a experiência Alta Gama da Norton é uma visita diferenciada (claro que isso reflete no preço), mas em termos de custo benefício e, principalmente, para quem está procurando uma visita com maior qualidade e menos pressa, é uma ótima pedida.

Outra coisa que vale ressaltar pra quem viaja com bebês, fizemos o tour com a Muçarelinha e ainda assim a experiência foi ótima. Todos foram muitos tranquilos com o fato de ter uma bebê e ainda por cima fizeram uma papinha para ela comer no restaurante durante o nosso almoço. Além disso, a Norton oferece visitas kids friendly, onde as crianças participam de algumas atividades, possibilitando que os pais possam degustar os vinhos com tranquilidade.

Vinícola Norton

Com a Belén, nossa querida anfitriã!

Outras experiências oferecidas pela Vinícola Norton:

  • Experiência Malbec
  • Experiência Espumantes
  • Food & Wine Friendly Experience
  • Enólogo por um dia
  • Enólogo Júnior (kids friendly)
  • Trabalhando na Minha Terra
  • Piquenique
  • Safári Fotográfico
  • Safári Fotográfico Premium (inclui andar de bicicleta pelos vinhedos)
  • Práticas de Cozinha

A Norton ainda oferece outras experiências mais específicas que você pode encontrar no site deles (norton.com.ar), bem como as descrições e tempo de duração de cada uma das experiências que eu listei aqui em cima, 😉 É importante avisar que é necessário fazer reserva tanto para quem quiser ir ao restaurante quanto para quem tiver interesse em alguma experiência. O e-mail de contato da Norton é turismo@norton.com.ar.

Outra dica importante, nós fomos até a Norton de táxi, com o valor previamente combinado com o taxista e voltamos com um remis que foi solicitado pela própria Norton, mas fica aqui a dica para quem não for com algum taxista ou remis que espere no local, para pedir que alguém da Norton chame um remis na hora que vocês forem para o almoço, pois o número de motoristas (especialmente na alta temporada) é pequeno para a demanda e como as distâncias são grandes entre as vinícolas, isso pode render um belo chá de cadeira na hora de voltar da sua visita.

 

Nossa visita foi feita em parceria com o Destino Argentina e a Vinícola Norton, mas nossa opinião segue isenta.

Author: Natália Gastão

Fluminhoca (fluminense + carioca) experimentando a vida mineira em Belo Horizonte, fisioterapeuta, acupunturista e viajante. Apaixonada pelo Rio e por viajar, sofre de tensão pré e depressão pós viagem, não pode ver uma promoção de passagem aérea e quer ir para tudo quanto é canto.

Share This Post On

40 Comments

  1. Que lugar bonito! Bem, nem meu marido nem eu bebemos, então, fiquei de olho na comida!!!! kkk 🙂

    Post a Reply
  2. Vinho, comida boa e vista sensacional! O que pode ser melhor, gente? Fiquei apaixonada pelo relato e pelas fotos!

    Post a Reply
  3. Que delícia deve ser esse tour! Ainda não conheço Mendoza, mas sou doido pra conhecer! Ótimas dicas!

    Post a Reply
  4. Nossa, que bacana! E isso de terem feito uma papinha para a Muçarelinha foi demais!

    Post a Reply
  5. Que delicia de post! Fiquei com água na boca.. rs Adoro vinhos e comida! Fiquei apaixonada nesse post. Obrigada pelas dicas!

    Post a Reply
  6. Oi Natália! Excelente post! Estamos vendo uma corrida para fazer em Mendoza. Então, a postagem veio em boa hora, ha ha ha.
    Abraços
    Carolina

    Post a Reply
  7. Que visita completa! Amamos vinhos e já visitamos diversas vinícolas em SC e RS, mas nenhuma assim. Queremos tb!!!

    Post a Reply
  8. Ah! As vinícolas de Mendoza… Eu também fui pra lá numa época não favorável: eu tava grávida. Então só provava os vinhos, mas foi muito bom

    Post a Reply
  9. Medonza é um destino sensacional! Estivemos lá há uns 5 anos e temos muita vontade de voltar. Ler o seu post me relembrou vários bons momentos que tivemos por lá. Parabéns pelas dicas

    Post a Reply
  10. Adorei essa experiência. Quando realizar uma prova na Nortou vou incluir o Safári Fotográfico Premium só pq inclui andar de bicicleta pelos vinhedos. É possível fazer tudo no mesmo dia?

    Post a Reply
    • Acredito que sim, Nayara!
      Eu também queria o safari, mas com a bebezinha não ia rolar sair de bike pelos vinhedos.
      Beijão!

      Post a Reply
  11. Nossa, que ótima visita! Acabei não indo nessa vinícola quando fui a Mendoza e vou deixar a dica anotada para uma próxima vez. 🙂

    Post a Reply
  12. Que passeio legal, tenho vontade de visitar uma vinicola assim. O bom também foi ter curtido o passeio com a bebe, achei legal a atenção deles de ter feito uma papinha também pra ela 🙂

    Post a Reply
  13. O que eu gostei mesmo foi do lugar. Que bonito! Como não bebo vinho, iria apreciar muito a arquitetura da vinícola e a paisagem, verdadeiramente linda. Legal o post.

    Post a Reply
    • O lugar realmente é lindo, ainda mais com a Cordilheira nos encarando o tempo todo! 🙂

      Post a Reply
  14. geeente que q eh aquele almoçoooo deliciaaa!!! achei engraçado q um dos doces parece uma linguiça frita hauehaue

    Post a Reply
  15. Adorei o post!
    Lugar lindo e me deu muita vontade de conhecer!
    A baby tá lindinha demais!

    Post a Reply
  16. Oi Natalia, eu adoro conhecer vinícolas (na verdade qualquer fábrica de bebida… rs… mas vinho sempre é o mais interessante).

    Eu ainda não fui para Mendonza, preciso muito ir.

    Muito boa dica.

    Post a Reply
    • Se você curte vinhos, precisa ir, pois Mendoza é quase um parque de diversões neste quesito! hehehe

      Post a Reply

Mantenha este blog vivo, comente!