Onde ficar e o que fazer em Aswan, no Egito?

Oi Pessoal! Dando continuidade na intenção de voltar a escrever, também farei o possível para retomar a nossa coluna “A Sua Viagem”, afinal, adooooro “receber visitas” aqui no blog! E a nossa visita de hoje, vai contar direitinho o que fazer em Aswan, no Egito!

O nosso convidado especial de hoje será o Alberto, que escreve no blog Verdades de um Ser. Ele esteve em Aswan e compartilhou conosco suas impressões sobre a cidade.

 

1. Por que Aswan?

Aswan

Bem, na verdade, escolhi Aswan para usá-la aqui nesta postagem pois é um dos locais que mais tirei fotos com a minha máquina que tem melhor qualidade mas, certamente, não foi o melhor nem o único lugar que visitei no Egito quando estive lá recentemente.

 

2. Em que bairro você se hospedou? Valeu a pena?

Hospedei-me lá em dois lugares mas, ao longo dos 16 dias que passamos quando estive lá no Egito entre o dia 02 de novembro e o dia 18, nos hospedamos, eu acho, que em uns 8 ou 10 hoteis, nem lembro mais.

assuan-no-hotel-001

Bem, mas os hotéis de Aswan foram o Mövenpick e o Sonesta, sendo que este último era um navio. Sim, nos hospedamos num navio durante 3 ou 4 dias no hotel-navio e viajamos ao longo do Nilo, do Baixo para o Alto Egito, parando em várias cidades no caminho para conhecer monumentos diversos.

 

Escolha aqui o seu hotel em Aswan

3. Suas atrações preferidas.

É difícil, pois foram muitas. Mas vamos as que mais me encantaram:

a) A melhor de todas, foi sem dúvida, o Templo de Abu Simbel, próximo a grande represa que também é outro espetáculo à parte mas, não vou falar nela. O Templo de Abu Simbel, é um dos mais preservados monumentos do Egito. Ele não foi construído lá onde o visitamos e isto, é o mais surpreendente. Ele foi transportado, juntamente com todos os monumentos à sua volta, por aproximadamente 200 metros de sua posição original e 61 metros acima do ponto em que se localizava e recolocados ali naquela montanha construída artificialmente. Na verdade, são dois templos próximos, esculpidos na rocha como mostram as fotos.

Aswan

b) Bom, a segunda atração, eu diria que foi o rio Nilo, o navio-hotel onde estávamos hospedados e a sensação de estar navegando naquele que foi, um dos rios mais importantes da história. Onde Moisés foi deixado boiando dentro de uma cesta por sua mãe para que alguém o apanhasse, onde aconteceram fatos importantes da história da humanidade. E nós estávamos ali, navegando através dele por centenas de quilômetros. Foi maravilhoso, fantástico.

 

4. O que te surpreendeu?

Aswan

Tudo me surpreendeu. A cultura, totalmente nova, desconhecida; a sabedoria do nosso guia, Mustáfa, era impressionante as coisas que ele conhecia, o que a gente perguntasse, ele sabia responder e, com muitos detalhes de história, de arqueologia, de tudo, enfim; a beleza e imponência dos monumentos, monumentos estes que não tinham 100 ou 1000 anos mas 4 ou 5 mil anos; o lago Nasser, que você não vê onde ele termina, o complexo de luxo dos hotéis aonde ficamos, não só no navio, como no Mövenpick como nos demais hotéis durante a viagem. Todos, exceto um que tivemos que nos hospedar durante uma viagem pelo deserto, apenas como ponto estratégico, para irmos no banheiro, tomarmos um banho, etc. e não tinha nada melhor nas redondezas. Todos os outros hotéis foram 5 estrelas.

 

5. Aquela dica que você daria a um amigo!

Aswan

Se for ao Egito, contrate o guia Mustáfa, não deixe, é óbvio, de visitar a Grande Pirâmide e a Esfíngie (que fica vizinha) nem perca a oportunidade de navegar pelo Nilo, ver uma aurora no Sahara e, se puder, veja a lua nascendo no Nilo.

 

Contrate aqui o seu Seguro Viagem

 

E aí, já estão se coçando para visitar Aswan? Nem preciso dizer que essa ideia de se hospedar num navio e percorrer o rio Nilo me deixou com água na boca aqui né?!

Vou deixar aqui o meu super obrigada ao Alberto, pela participação aqui no blog! E se vocês quiserem saber o que ele anda fazendo, é só acessar o blog Verdades de um Ser, onde ele fala sobre literatura, cinema e música, ou seja, só coisas boas!

Veja aqui todos os Posts e Destinos do “A Sua Viagem”

 

E se você, tiver AQUELA cidade ou viagem que te encantou? Divida com a gente a sua experiência, não precisa ser blogueiro, é só responder essas cinco perguntinhas do texto, juntar algumas fotos e enviar para o e-mail zuca@zigadazuca.com.br. Será muito bacana tê-los fazendo parte do Ziga da Zuca. 😉

Semana que vem tem mais post do A Sua Viagem pra vocês, Pessoal!

Beijooo!

 

Fotos: Alberto Valença

Author: Natália Gastão

Fluminhoca (fluminense + carioca) experimentando a vida mineira em Belo Horizonte, fisioterapeuta, acupunturista e viajante. Apaixonada pelo Rio e por viajar, sofre de tensão pré e depressão pós viagem, não pode ver uma promoção de passagem aérea e quer ir para tudo quanto é canto.

Share This Post On

Mantenha este blog vivo, comente!