Rio: 450 anos de Desculpaê!

Não é novidade para ninguém o quanto sou apaixonada pelo Rio, o quanto ele me representa e o quanto sou feliz em pertencer a essa cidade mesmo de longe!

Rio 450

Nesses quase dois anos aqui em Cuiabá, ainda me sinto meio que um peixe fora d’agua e sempre que estou a caminho da terrinha e o avião se aproxima da cidade, volto a me sentir em casa! Das coisas que só os cariocas entendem é o orgulho que dá quando nos perguntam “Você é carioca?” por conta do sotaque – que cá entre nós o meu nunca foi muito carregado, ou quando perguntam “Mas o Rio é lindo né?”. Coisas que parecem bobas, mas que colocam um sorriso imediato no rosto e faz quem está longe se aproximar “de casa”.

Rio 450

Considero o Rio o embaixador do Brasil (para o bem e para o mal), quem viaja sabe: “Brasileiro? Do Rio?” quem viajou para o exterior e nunca ouviu essa pergunta? Mesmo morando em Cuiabá, sigo dizendo que sou do Rio (claaaaaro!) e sorrindo falando da minha cidade… Cheia de mazelas, eu sei! Mas que eu escolhi para ser minha –  É! Porque eu nasci em Resende, no interior do Rio, mas sou carioca de coração.

Rio 450

Ser carioca, na minha opinião, é um estilo de vida! Cada um com o seu e sem rótulos, claro! Mas sempre senti que o Rio faz bem para a saúde, que ele nos permite aproveitar as coisas simples da vida, como sentar num banco e ficar de bobeira curtindo a paisagem, aproveitar o tempo vago para escapar até um lugar bonito (sempre tem um lugar bonito) e ainda olhar o Cristo de diferentes ângulos como ponto de referência.

Rio 450

Isso tudo sem contar com as carioquices do dia a dia… Roupa despojada, havaianas, muita gente batendo perna pela rua, caminhada na Lagoa ou Aterro, pedal na ciclovia (parando 1000 vezes para fotografar), pôr do sol em Ipanema, chorinho na Praça São Salvador ou General Glicério, café da manhã no Parque Lage, cinema, teatro, chopp pós praia (sem papo de trocar de roupa), cruzar com globais na rua sem nem perceber… É uma vida mais leve, mais feliz! Acho que a proximidade do mar ajuda nisso e faz bem para a alma. Mesmo que a gente não vá à praia diariamente como muita gente pensa!

DSCF1156

Eu sei, eu sei… Tô enchendo a bola da cidade né?! Mas Cara, pelo pouco que já rodei por aí e pelo que ouço da galera que já rodou mais: Essa é a Cidade mais linda do Mundo! Então Amigo, desculpaê! É como dizer para o Brad Pitt ou Scarlett Johansson não serem marrentos né? E se for pra alguém falar mal, deixa isso para os cariocas… Porque só a gente pode! 😛

Rio 450

E pra quem está achando que isso é papo de quem dá valor depois que perdeu, eu já declarei o meu amor à Cidade Maravilhosa outras vezes aqui no blog e muitas tantas no instagram. Sou muito feliz por ter tido o privilégio de viver no Rio, amá-lo e valorizá-lo, apesar de tudo.

Rio 450

Parabéns Cidade Maravilhosa!!! Já estou aqui, saudosa demais, preparando um mate quase de galão para celebrar o seu dia mesmo de longe, pois aos 450 com esse corpinho de 200, você merece!

E finalizo com o Vinícius… “As feias que me perdoem, mas beleza é fundamental”.
Para ver todos os nossos posts do Rio, clique aqui.

 

Organize sua viagem com o ZigadaZuca:
Nós oferecemos apenas produtos que já testamos e que sempre utilizamos em nossas viagens.
Ao utilizar estas ofertas você não paga nada a mais, recebe um excelente serviço pelo melhor preço e ainda ajuda o blog.
.

        

Author: Natália Gastão

Fluminhoca (fluminense + carioca) experimentando a vida mineira em Belo Horizonte, fisioterapeuta, acupunturista e viajante. Apaixonada pelo Rio e por viajar, sofre de tensão pré e depressão pós viagem, não pode ver uma promoção de passagem aérea e quer ir para tudo quanto é canto.

Share This Post On

2 Comments

  1. Parabéns pelo Site. Excelente conteúdo.
    Gilson

    Post a Reply

Mantenha este blog vivo, comente!