A Sua Viagem – Rhodes

Oi Pessoal!

Como vocês sabem, segunda é dia de receber visita aqui no blog e quem veio falar de um lugar especial hoje é a querida Lu Tesch do ótimo blog Perrengueiros. A Lu além de super viajada, tem dicas bem bacanas de diversos lugares, e desde que ela começou a viajar com o Perrengueiro Jr tem sido inspiração para muitas mães, ou futuras mães, viajantes.

Mas como hoje ela veio aqui para falar sobre Rhodes, na Grécia, vamos ouvir ler o que ela tem a nos dizer.

 

1. Por que Rhodes?

Rhodes

Porque somos apaixonados por cidades medievais cercadas por muros e Rhodes se mantém até os dias de hoje como se tivesse realmente parado na época da Idade Média!

 

2. Em que bairro você se hospedou? Valeu a pena?

Rhodes

Nos hospedamos dentro da cidade histórica (murada). Valeu muito a pena, porque a cidade é muito bem preservada, ainda há balas de canhão encrustadas nos muros e dentro dos fossos.

 

3. Suas três atrações preferidas.

Andar a esmo pelas ruelas da cidade murada. Fizemos isso no primeiro dia. Passamos por vários portões lindos.

Rhodes

Portão da Marinha.

Em segundo lugar, a rua dos Cavaleiros e o Palácio do Grão-Mestre.

Rhodes

Rua dos Cavaleiros

Rhodes

Palácio Grão-Mestre

E, em terceiro, nossa escapada de carro até Líndos.

Rhodes

Parte da muralha medieval e a linda cor da água de Líndos.

 

4. O que te surpreendeu?

A preservação da cidade histórica, a cor da água de Líndos e sua acrópole lá no alto.

Rhodes

Líndos e sua acrópole lá no alto.

E a emoção de imaginar onde se situava o Colosso de Rhodes, uma das sete maravilhas do mundo antigo.

Rhodes

Lugar onde sempre se representa que ficava o Colosso de Rhodes. Uma perna em cada pilastra.

 

5. Aquela dica que você daria a um amigo!

Não deixe de se hospedar dentro da cidade histórica, mas atente para o fato de que quase nenhum carro entra lá dentro, nem táxis. Chegamos à noite e não tínhamos ideia disso. Na hora que o táxi parou e disse que tínhamos que saltar ali, visualizei o tamanho do perrengue para achar uma pousada lá dentro. Para nossa sorte, a Prefeitura disponibiliza, gratuitamente, carrinhos de golfe para levar os turistas. Mas… atenção! Nos nossos outros dias por lá, não vimos o carrinho nenhuma vez! Foi uma sorte absurda que demos! Portanto, cheguem de dia e com um bom mapa da cidade (o que também não tínhamos!).

 

Sei que sou muito previsível e repetitiva, mas EU QUERO!!!! Gente, o que é a cor dessa água? Uau! Um muuuuito obrigada a Lu por ter aceitado nosso convite e ter enchido de cores a nossa segunda-feira aqui no blog! E se você quiser mais dicas dela sobre a Grécia é só clicar aqui que os Perrengueiros estão lá, cheinhos de perrengue e dicas para a gente. 😉

E você, tem AQUELA cidade que te encantou durante uma viagem? Divida com a gente a sua experiência, é só responder essas cinco perguntinhas do texto, juntar algumas fotos e enviar para o e-mail zuca@zigadazuca.com.br. Será muito bacana tê-los fazendo parte do Ziga da Zuca.

Semana que vem tem mais post do A Sua Viagem pra vocês Pessoal!

Beijooo!

 

Fotos: Luciane Tesch
Para ver quem já participou do A Sua Viagem, clique aqui.

 

Organize sua viagem com o ZigadaZuca:
Nós oferecemos apenas produtos que já testamos e que sempre utilizamos em nossas viagens.
Ao utilizar estas ofertas você não paga nada a mais, recebe um excelente serviço pelo melhor preço e ainda ajuda o blog.
.

        

Author: Natália Gastão

Fluminhoca (fluminense + carioca) experimentando a vida mineira em Belo Horizonte, fisioterapeuta, acupunturista e viajante. Apaixonada pelo Rio e por viajar, sofre de tensão pré e depressão pós viagem, não pode ver uma promoção de passagem aérea e quer ir para tudo quanto é canto.

Share This Post On

Mantenha este blog vivo, comente!