Quando não ir a Santiago!

Após falar sobre o mesmo assunto pelo menos umas quatro vezes, com pessoas diferentes, nas últimas duas semanas, resolvi contar sobre a minha experiência em Santiago no ano do seu bicentenário, que aconteceu em setembro do ano passado (2011).

Não costumo viajar em mega feriados, como todos sabem, costuma ser caro e lotado! E foi esse um dos motivos que me levaram para Santiago no dia 18 de setembro e não no 07 de setembro, pensei em evitar a brazucada que certamente invadiria ainda mais a cidade, por conta do nosso feriadão.

Santiago

Porém seguindo a mesma linha de fugir das muvucas, li que os chilenos costumavam aproveitar o feriado de 18/09 (Independência do Chile e no ano passado o Bicentenário da data) para curtirem o final da temporada de esqui, então imediatamente olhei no calendário para ver quando caía, como era um sábado nem me preocupei, afinal sábado não faz feriadão certo? Errado! E daí que o feriado cai no sábado? Isso não impede em nada que ele comece na sexta-feira e termine na segunda (incluindo a segunda-feira). Acreditem! A viagem foi um fiasco só! hahaha

Santiago
Santiago

 

Chegamos em Santiago na quinta feira (16/09) a cidade fervia! É um patriotismo incrível, de dar inveja! Tudo estava com as cores do Chile, crianças segurando bandeirinhas, casas enfeitadas… O Brasil só fica assim na Copa do Mundo! Ou alguém aqui se veste de verde e amarelo no 7 de setembro?

Santiago

Santiago

Claro que tiveram algumas festividades em Santiago, chegamos a ir a um show na frente ao Palácio La Moneda, mas estava muito cheio e nem dava para ver o palco, como estávamos cansados, desistimos e não tivemos disposição de tentar de novo nos dias seguintes.

Santiago

Mas se fosse só festas, seria tranquilo! O problema foi que no dia 17, 18, 19 e 20 a cidade estava morta. Lembro de ter olhado para o Café Haiti e ter falado para o Zuco “depois vamos lá?”, o depois veio com o Café fechado que não abriu de novo até retornarmos.

 

Clique aqui e encontre Hotéis em Santiago

 

O Valle Nevado, por sua vez, estava lotado, deveria ter desconfiado quando tentei fazer a reserva antes de viajar, de qualquer forma fizemos um bate e volta. E quem nos salvou foi o excelente Pattio Bellavista, onde jantamos dois dias seguidos. Chegamos a almoçar uma empanada mega mequetrefe, porque não tinha nada aberto! Apenas um restaurante 100% gringo na Plaza das Armas, que nós sentamos mas o garçom não veio nos atender e partimos.

Santiago

Mas o que me deixou mais chateada, foi o Museu de Arte Pré Colombina fomos lá duas vezes!!! Na primeira vez chegamos cerca de 14:30hs e como havia um banner dizendo que em dias festivos fechava às 14hs, retornamos no dia seguinte dentro do horário… E nada! Chegando no Rio, comentei sobre isso no Matraqueando e posteriormente a Sílvia me disse via twitter que ligou para lá e eles confirmaram que o Museu estava fechado por conta do feriado.

Santiago

No último dia nos rendemos a Mc Donald’s era a única coisa que estava aberta à noite (domingo) e também na segunda-feira! Nós que nem vamos no Mc Donald’s por aqui, tivemos que apelar por lá!

Santiago

Santiago

Que fique claro, o único alfajor que comprei no Chile foi no Free Shop, aliás até no aeroporto as lojas estavam fechadas (como assim????).

Santiago

Santiago

Quando entramos no avião e recebemos o jornal, havia uma matéria com dicas para curar a Ressaca del Dieciocho. Nessa hora tiver certeza que trata-se de um tipo de carnaval ou algo do gênero. Mas como a cidade não se prepara para os turistas no seu “carnaval”?

Santiago

Fica aqui a minha dica: Gostei de Santiago, mas ela não me ganhou, sabe?! Certamente precisarei retornar para visitá-la melhor e quem sabe fazer as pazes com ela… Portanto, se você estiver pensando em seguir para lá, encare os brazucas no 7 de setembro, mas fuja do 18 de setembro.

 

 

Organize sua viagem com o ZigadaZuca:
Nós oferecemos apenas produtos que já testamos e que sempre utilizamos em nossas viagens.
Ao utilizar estas ofertas você não paga nada a mais, recebe um excelente serviço pelo melhor preço e ainda ajuda o blog.
.        

Author: Natália Gastão

Fluminhoca (fluminense + carioca) experimentando a vida mineira em Belo Horizonte, fisioterapeuta, acupunturista e viajante. Apaixonada pelo Rio e por viajar, sofre de tensão pré e depressão pós viagem, não pode ver uma promoção de passagem aérea e quer ir para tudo quanto é canto.

Share This Post On

11 Comments

  1. No início do ano passado peguei as eleições no Chile e também sofremos demais… Eles levam a ferro e fogo a política… Mas valeu a experiência…
    Bjs

    Post a Reply
  2. Vivendo e aprendendo.

    Post a Reply
  3. No próximo 18 de setembro, vá para Cuiabá. Lá, tudo abre.

    Post a Reply
  4. Gabrielle M.

    Estou indo em agosto tbm…que dia vc vai?
    eu vou dia 14 e vou ficar até dia 19, seria legal encontrar com outros brasileiros também já que eu vou apenas com minha mãe…

    Post a Reply
  5. Ainda bem que estou indo agora em Abril, rs!

    Post a Reply

Mantenha este blog vivo, comente!